Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Clique se puder

DO ANO 2016
O que mais gostei de escrever:

24.10.2016

Queria ser o pôr-do-sol
Da minha pele
Desnuda
No teu horizonte.
Fixar a âncora
No teu peito
De mar brando
E amar
...
Olhando a imagem
Ao relento
De nós.


Mário Soares (*1924+2017)

por Azoriana, em 08.01.17

Dia sete para nascer
De vinte e quatro em dezembro
Dia sete para morrer
Deste janeiro que lembro.

Viveu noventa e dois anos.
Advogou a democracia;
E por entre os seus planos
Os brados e diplomacia.

Três dias temos de luto,
Dita a nobre Nação,
Por ter dado contributo
À saída da opressão.

De bochechas conhecido,
Para quem o rosto olhava;
Jamais será esquecido
Por Portugal ele bradava.

Paz à sua alma!

08/01/2017
Rosa Silva ("Azoriana")

P.S. A sua mulher faleceu a 7 de julho de 2015, com noventa anos...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")
DATA DA CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
DEZ ANOS
2014/04/09

Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.


SELO
Azoriana/Açoriana Blog
Azoriana/Açoriana Blog
@ 2004 etc.
VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 – Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD





Links

Voz dos Açores - gravações