Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Clique e veja o que acontece

À Marisa e ao Tiago Clara

No reino da juventude
Há esperança a reinar
Mais forte seja a saúde
Porque o resto há de chegar.

Seja nobre a atitude:
Cantadores vão cantar!
Dupla seja a virtude
A quem merece a dobrar.

A Marisa e o Tiago
De nós merecem afago
Numa festa que há de vir.

Depois de bruto acidente
Felizmente estão com a gente:
Vamos fazê-los sorrir!

Rosa Silva (“Azoriana”)

Cantoria Solidária

Local: Sociedade Velha da Vila das Lajes
Data | Hora: 27 de janeiro de 2018 | 21:00

Cantadores:

José Eliseu, José Fernando, Hélder Pereira, Ricardo Martins,
Marcelo Dias, Vasco Gomes, Artur Miranda, John Branco.

Verbas angariadas revertem para ajuda ao Tiago Clara.


Data do lançamento do livro

Livro de Fernando Mendonça

Festas da Praia 2017
Lançamento do livro de Fernando Mendonça,
dia 9 de agosto, quarta-feira, pelas 19 horas,
nos Paços do Concelho da Praia da Vitória.

Quando vemos um amigo
Obter uma felicidade...
Fiquem certos do que digo:
Ficamos felizes de verdade!

19:00, a 9 de agosto,
Nos Paços do Concelho,
Da Praia que dá um gosto
Junto com o bom conselho.

Eleva mais um Poeta,
Que é da Praia da Vitória;
Atingiu nobre meta
Que fica na sua história.

Louvo a Câmara sem demora
E o Mendonça, Fernando.
Mais feliz a partir de agora
Vê real o que vinha sonhando.

Lá estarei ao seu lado
Com a mesma euforia,
Já estive no mesmo estado
De completa alegria.

A escrita é mesmo assim
Em livro fica guardada;
E de "Pedaços de mim"...
Sou uma madrinha babada.

Rosa Silva ("Azoriana")

Nota: Artigo relacionado na hiperligação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

História verdadeira

por Azoriana, em 09.08.17

Convém vos revelar
O que me aconteceu:
Em papel a rimar
A escrita se rompeu.

Para vos ser sincera
Não escrevo no papel;
A tecla é que me espera
Seu toque é como mel.

Caneta não desliza
Com maior rapidez
Para quem improvisa
A tecla é que se fez.

Parece que cantando
A rima sai direta,
A minha é teclando
Como do arco a seta.

Bem bom que assim é,
Se não fosse assim,
Jamais viria de pé
O que saiu de mim.

O teclado é meu forte,
A fonte de escrituras,
Com ele tive sorte
Não me deu desventuras.

Sei as letras de cor
E a sua posição;
Assim é bem melhor
Tive boa lição.

O ano que repeti
A História no liceu
Teclado eu aprendi
E o futuro me deu.

A história que vos conto
Creiam que é verdadeira
Escrevo ponto por ponto
Sem usar lapiseira.

Teclado é dia-a-dia
Constante e preciso,
Com ele a alegria
Mais o dom de improviso.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")
DATA DA CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
DEZ ANOS
2014/04/09

Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.


SELO
Azoriana/Açoriana Blog
Azoriana/Açoriana Blog
@ 2004 etc.
VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 – Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD





Links

Voz dos Açores - gravações