Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Criações de Rosa Silva e outrem; listagem de títulos

Em Criações de Rosa Silva e outrem

Histórico de listagem de títulos,
de sonetos/sonetilhos
(810 até agora)

Motivo para escrever:

Rimas são o meu solar
Com a bela estrela guia,
Minha onda a navegar
E parar eu não queria
O dia que as deixar
(Ninguém foge a esse dia)
Farão pois o meu lugar
Minha paz, minha alegria.

Rosa Silva ("Azoriana")

**********

Entrevista a 5 de dezembro:


Dança, dança comigo! (Zé Nandes)

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 15.02.21

Zé Nandes

Ó Zé Nandes faz cantiga
Aqui para a tua amiga
Que afinal também é prima
Este ano é anormal
Mas festeja o Carnaval
Com a delicada rima.

Não importa onde estejas
Só quero que tu me vejas
Como Rosa de aventura
E no regaço uma flor
Que é sonho de valor
Que rima a sã Cultura.

És grão-mestre da Terceira
No que toca à brincadeira
Mesmo entre os demais
Faz com que haja sorriso
No palco do improviso
Nestas redes sociais.

Minha prece aqui vai
Como a oração ao Pai
E à Mãe que a todos quer;
Esteja no Céu a tua
E a minha que me atua
Doce rima de mulher.

Fica a Rosa mesmo agora
Olhando o lado de fora
Onde o sol veio com vento...
Será que trouxe recado
De um beijo recheado
Com tua fé e talento.

Se voltares à nossa beira
Volta e beija a Bandeira
Do Divino Espírito Santo;
A coroa e cetro então
Te recebam em união
E vem ver-me no meu canto.

S. Carlos, nos Folhadais,
Entre os muros e os ais
Fico eu mais inspirada;
Em verso estou cantando
Como quem está orando
Frente à Virgem, nossa Amada.

Espero de ti a resposta,
Por ventura, bem disposta,
Vinda com grande alegria;
Esquece um pouco a ideia
De não ver a casa cheia
Mas ver fora a pandemia.

É impossível deixar
De nesse vírus falar
Mesmo com mais desagrado,
Quero é seguir em frente,
Louvar tanto, tanta gente,
Que trata o adoentado.

Zé Nandes eis que no fim:
És o cravo, és alfenim,
És o canto d'esperança;
Faz reinar à tua altura
Uma voz sã e segura
Como se fosses a Dança!

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bodas de Ouro Carnavalescas: A João Mendonça

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 15.02.21

João Mendonça
Foto da direita da autoria de Fernando Pavão

Da Agualva ao Porto Judeu
E mais longe tudo é teu
Homem de arte e cultura
Muito mais que a tua altura.

Homem que honra o que é seu
E já muito ao mundo deu
Com graça, dom e ventura,
Saber fazer com estrutura.

Viva, viva bom João,
Filho d'ilha e região,
Que amou a vida inteira...

É de ouro a sua Boda
Que reúne a verve toda
Em aplausos na Terceira.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

À Maria Costa e marido

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 14.02.21

Felicidades!

Ó que linda a flor que brilha
No rosto da mocidade...
Sorrindo à felicidade
Que comunga da partilha.

Mulher é flor é maravilha,
Nas mãos da tranquilidade,
No amor e na amizade
Que se faz em redondilha.

O amor quando se vive,
Porque unido já estava
Na flor que a mão levava.

Faz brilho que sobrevive
No lar de apaixonados,
Felizes e enamorados.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Carnaval 2021 (em casa)

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 14.02.21

Para meu contentamento,
Eis a prova de ternura:
Deixo voar a candura
De uma rima de alento!

Que o povo fique atento,
À saúde mais segura,
Mantendo fé na cultura
Que virá noutro momento.

Minha rima assim possa
Minimizar a saudade
De não ir à Sociedade.

Para bem da gente nossa,
Deixamos nossos salões
P'lo palco em televisões!

Rosa Silva ("Azoriana")

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Carnaval ao peito

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 13.02.21

Quem ama em especial
A diversão terceirense
Vai sentir que o Carnaval
Que agora não lhe pertence.

É como onda anormal
Maior e que tudo vence
Uma enchente afinal
Faz parar quem nela pense.

Não há riso no salão
Só frente à televisão
"Fanca-te-em-casa" a eito.

Só quem ama outra moda
Dá em louco e anda à roda
Com o Carnaval ao peito.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")

DATA DE CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
16 ANOS
2020/04/09


Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.

Just a piece of me
to the amazing world.


RETALHOS DE MIM
Ser AMIGO afinal
É muito mais que amar
É dizer o que está mal
Sem nunca mal se ficar.
...
Isto não é artimanha
Nem coisa de fazer mossa
Há quem queira e não tenha
Há quem tenha e não possa.
...
Na encruzilhada do ser
Há desejos florescendo
Ansiosos por caber
Na lava que vai nascendo.
...
A poesia é a mais bela
Temperança do viver
Quando crescemos com ela
Mais cresce o nosso ser.

Angra do Heroísmo
ilha Terceira - Açores.


in DI Domingo.
Foto de António Araújo

SELO
Azoriana/Açoriana
Azoriana/Açoriana
@ 2004 etc.

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 - Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD

Naturalidade:

Neste espaço residem pequenos fragmentos da alma serretense.
Um residente classificou-a como sendo fresca no clima e quente na hospitalidade. É, sem dúvida, uma freguesia fresca, pequena mas com uma grande alma.

É um "Cantinho do Céu", como a autora lhe chamou num dos seus artigos publicados.
Sob o pseudónimo de Cidália Miravento e na capa de "Azoriana", Rosa Silva vai reunindo coisas suas e de outros no intuito de divulgar a freguesia que lhe deu berço - SERRETA.

Bem-vindo à Serreta, a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres desde 1/1/1862, do concelho de Angra do Heroísmo, ilha Terceira - Açores.




Links

Dicionário

Jornal

O Blog que nos ajuda

Voz dos Açores - gravações

Blogues amigos

  • Em breve