Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Açoriana - Azoriana - terceirense das rimas

Os escritos são laços que nos unem, na simplicidade do sonho... São momentos! - Rosa Silva (Azoriana). Criado a 09/04/2004. Angra do Heroísmo, ilha Terceira, Açores. A curiosidade aliada à necessidade criou o 1

Criações de Rosa Silva e outrem; listagem de títulos

Em Criações de Rosa Silva e outrem

Histórico de listagem de títulos,
de sonetos/sonetilhos
(940...pausa... 981)

Motivo para escrever:

Rimas são o meu solar
Com a bela estrela guia,
Minha onda a navegar
E parar eu não queria
O dia que as deixar
(Ninguém foge a esse dia)
Farão pois o meu lugar
Minha paz, minha alegria.

Rosa Silva ("Azoriana")

**********

Com os melhores agradecimentos pelas:

1. Entrevista a 2 de abril in "Kanal ilha 3"



2. Entrevista a 5 de dezembro in "Kanal das Doze"



3. Entrevista a 18 de novembro 2023 in "Kanal Açor"


**********

Quase a virar a folha

28.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

IMG_20140201_170149.jpg

A três dias do final
De dezembro atual
É tempo de recordar
O que se fez de melhor
Afastando o pior
Para bem se acordar.

O acordo é bem-vindo
Para o rosto ir florindo
No ano que se aproxima.
Haja Paz, Paz, por favor,
Demos graças ao Senhor,
Em prosa ou mesmo em rima.

A rima sempre acontece
Para aquele que não esquece
A melodia do Ser.
Gosto muito de abraçar
A ventura de rimar
Para o Bem enaltecer.

Quase a virar a folha
Não temos grande escolha
É seguir com sapiência
Cultivar para surtir,
Trabalhar para sentir
Vida na sobrevivência.

Bom Ano para vocês,
Quase, quase o fim do mês,
Sem deixar ninguém atrás.
O futuro é que dirá
Para quem anda por cá
Se é Bom o que se faz.

Para os nossos emigrantes,
Da Serreta não distantes,
Desejo prosperidade,
Para quem tem Pai e Mãe,
E mesmo aquele que não tem,
Louve a consanguinidade!

Rosa Silva ("Azoriana")

Casa à antiga

27.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Não havia outrora casa
Que não tivesse um santinho
Mãe e Filho no seu ninho
Porque a reza não se atrasa.

Hoje a reza vê-se à rasa
Sem o terço de carinho
Nem um joelho sozinho
Nem com outro se extravasa.

Faltam olhares inteiros,
Faltam velhos pioneiros,
À mesa e nos quintais...

Faltam orações cristãs,
Faltam risos das manhãs...
Só não falta ser demais.

Rosa Silva ("Azoriana")

Os meus desejos: Caro Amigo Euclides Álvares

24.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Que o Bom Menino Jesus
Dê tudo o que mais deseja
No seu lar também se veja
O brilho da santa Luz.

Que a guerra, a grande cruz,
Dê lugar ao que não seja
Uma treva aonde esteja
A cegueira que tudo reduz.

Venha a Bênção de alegria,
Venha a natural magia
Regar a mesa intemporal...

Que nossa oração se estenda
Ao bem que hoje se recomenda:
Festas Felizes de Natal!

Rosa Silva ("Azoriana")

Os "reises" de Angra do Heroísmo

22.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Reis de Angra do Heroísmo

Ficam belos lá no Alto
Das Covas, que assim se diz,
Chega-se, mesmo de salto,
Menos para o ser petiz.

Neste verso não lhes falto,
Mesmo sendo uma aprendiz,
Não por pisar o asfalto,
Mas por ser dia feliz.

E mais felizes estão
Os reis que têm cadeirão
De veludo acetinado.

Em Angra do Heroísmo,
Há a valsa do lirismo,
No peito que baila ao lado.

22/12/2022

Nota: Em "dia de sonhar com oiro", numa rica pobreza.

Rosa Silva ("Azoriana")

Presépio tradicional

20.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Tudo é o que se apanha
Se a mais não se adivinha
Não há Natal que não tenha
No presépio uma vaquinha...

Um burro, galo ou galinha,
Uma ovelha, sem ordenha,
Um pastor, sem a casinha...
O anjo no cimo ganha.


Enquanto isso o que vejo?
Ti' João fazendo queijo
Com o leite em caudal...

Um pardal também eu vi
Nos delírios que senti
Sem saber se tem Natal...

Presépio Queijo Vaquinha
Rosa Silva ("Azoriana")

Se a gente não mudar...

19.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Se a gente não mudar
Para algo bem melhor
Acabará por se travar
Uma batalha pior.

Se a gente não mudar
No ataque à natureza
A terra irá vingar
Muito má, tenho a certeza.

Se a gente não mudar
Na crise de toda a gente
O futuro irá ficar
Bem pior que o presente.

- Se.... home cala-te p'raí!
Mudar, mudar, mudar!
Possa... já não te posso oivi...
Por mim, vou-me calar.

Rosa Silva ("Azoriana")

Na Hora do Natal - JESUS!

15.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Feliz Natal 2022

Que o mundo se amantize,
À bondade do Bom Deus
Na roda dos que são seus,
No credo se modernize.

Que o mundo simpatize,
Com os meus e com os teus
Versos à laia de Zeus,
E na bondade deslize.

O brilho está vindo, agora,
Com a Mãe, santa Senhora,
E com José seu esposo.

Mas quem brilha mesmo bem...
É o Pequeno que tem
O nome mais que ditoso!

Rosa Silva ("Azoriana")

De braços abertos à Vida

15.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

Carol, a boneca

Carol é a linda boneca
Preciosa e asseada
Não é levada da breca
Porque adora a pequenada.

Carol não se quer soneca
Sorrindo por tudo e nada
E nem tão pouco ela peca
Por saber que é mui amada.

Vem pró colo de alguém
Que lhe vai querer só Bem
Como se quer ao humano.

Abre os braços para a Vida
Porque sabe ser querida
No Natal e fim de ano.

15/12/2022

Rosa Silva ("Azoriana")

The birth of mind - Ave de inspiração

08.12.22 | Rosa Silva ("Azoriana")

My mind is so great
    Minha mente está tão feliz
When you go on me
    Quando voas quase sobre mim
Maybe sooner than late
    Pois só agora é que me fiz
It's your love I can see.
    Ao teu Amor de farolim.

Please go over the sea
    Sobrevoa plo mar assim
For love and no hate
    Sem ódio, o Amor se quis,
And bless all and free
    Liberta e abençoa enfim
No matter where's state.
    Não importa quaisquer dos perfis.

You have so much to give
    Tens tanto para ao mundo dar
To those can not live
    Para quem não vive para amar
With the hope and the space...
    Dás esp'rança, dás ambiente...

You have so much to care
    Tens tanto mais para acudir
And so much to repair
    E tanto mais tens para surtir
In our heart more than face.
    No coração mais que evidente.

Rosa Silva ("Azoriana")

Pág. 1/2