Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


De cá para lá...

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 23.05.05

Nesta ilha onde pernoito,
Algures num vasto oceano,
Trago a certeza no pensar,
Que és um ser sempre afoito,
Sinto que aqui não há engano...

Nestas linhas de ternura,
Envio-te o Sol, plena luz,
Quando chegar ao teu lar,
Lembra-te que é aragem pura,
O que esta mensagem conduz...

Espreito o dia que virás,
Nas asas de tão grande ave,
Uma viagem entre nuvens,
Sei que no Monte pousarás,
Ninguém colocará entrave...

Numas quintilhas emotivas,
Brinquei com algumas letrinhas,
Desenhei ao som deste sentir,
Rabisquei com cores bem vivas:
- Abraço nestas poucas linhas!

[O abraço da Ilha]

- para ti que ainda me lês -

in Canalacores.com
in Canalacores.com

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")
DATA DA CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
DEZ ANOS
2014/04/09

Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.


SELO
Azoriana/Açoriana Blog
Azoriana/Açoriana Blog
@ 2004 etc.
VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 – Azoriana no MEO Kanal


Azoriana no MundoPT

LIVRO editado:

Serreta na intimidade


LIVROS não editados:


2019
2018
2017
Assim de repente
(https://ajb521.s.cld.pt)
Letras cadentes
Letras luminosas
(https://ajb521.s.cld.pt)
Leves escritos
Lírios da escrita
O canto da Ave
Palavras açorianas
Recheio de Rimas
https://pt.scribd.com/document/102287547/Recheio-de-rimas
Sentir de ilhoa
Serreta documentário
Serreta em rimas
Sopro de vida
Todo o amor que me lavra

DESTACO
Folhetins/Fagundes Duarte
FONSECA DE SOUSA
SAPO: O prémio


ISSUU

MEO CLOUD





Links

Voz dos Açores - gravações