Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Terra minha

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 18.04.16

Quando eu for a sepultar
Só a terra vai ser fria
Vou continuar a amar
Quem me deu mais alegria.

A terra vim povoar,
E a terra é que nos cria.
Do mar só pude avistar,
Dele veio meu pai um dia.

Terra e Mar são ascendentes
Porque são os meus parentes
E deles eu não me arredo.

Nessa Terra que era minha
Mora também a estrelinha
Meu rosário e meu Credo!

Rosa Silva ("Azoriana")

Lagoínha da Serreta

Autoria e outros dados (tags, etc)

Maria

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 18.04.16

Nascente
Verdade
Poente
Saudade

Crescente
Idade
Da gente
Bondade

Jesus
A Luz
Sorria

Pureza
Beleza
MARIA

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Flor Maria (também em Azoriana blog)

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 18.04.16

Flor Maria

Serreta berço natal
Uma flor junto da serra
Florindo o vale da terra
Da Virgem paroquial.

Serreta flor imortal
Cujo brilho não encerra
Quando vista nos descerra
Todo o amor fraternal.

Se à Serreta trouxeres
Outra flor da emoção
Coloca junto a Maria.

Olha a Mãe como puderes
Cantando uma oração
À flor mais linda do dia.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Para a Festa (à laia de apelo)

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 18.04.16

para_a_festa.jpg

Para a Festa

Rodamos o ano depressa,
Depressa se roda um ano;
Tarda o que não começa
E acaba por trazer dano.

Há quem faça uma promessa,
É próprio do ser humano,
Faça uma como essa
Para a festa do profano.

Na promessa há o divino,
No profano há alegria
E da noite nasce o dia.

Ajuda um bom destino
Que por ser terra pequena
Faz louvor de uma dezena.

Rosa Silva ("Azoriana")

 

10 ANOS DE ELEVAÇÃO A SANTUÁRIO
Maio 2006 / 2016
Festa comemorativa de setembro 2016

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")
DATA DA CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
DEZ ANOS
2014/04/09

Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.


SELO
Azoriana/Açoriana Blog
Azoriana/Açoriana Blog
@ 2004 etc.
VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 – Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD





Links

Voz dos Açores - gravações