Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Clique e veja o que acontece


Cadeira de poeta

por Azoriana, em 21.02.17

Cadeira

Daquela cadeira voltada pró mar
Eu sonhei que ouvia seu belo rimar
Um ano se conta da sua partida
O Carlos Andrade que deixou a vida.

Foi "Santa Maria" que ouvi cantar
Tive tanta pena de não igualar
O seu canto firme na força vivida
E me deixa agora tanto mais sentida.

Foi o mar da ilha, nas suas marés,
Que levou a filha e o fez sofrer
E do mar ele era mesmo sem o ser.

Quero então rimar porque ainda és
Voz de fevereiro, "Praça da alegria",
Dia do meu pai e de "Santa Maria".

23/02/2017
Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")
DATA DA CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
DEZ ANOS
2014/04/09

Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.


SELO
Azoriana/Açoriana Blog
Azoriana/Açoriana Blog
@ 2004 etc.
VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 – Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD





Links

Voz dos Açores - gravações