Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Criações de Rosa Silva e outrem; listagem de títulos

Em Criações de Rosa Silva e outrem

Histórico de listagem de títulos,
de sonetos/sonetilhos
(861 até agora)

Motivo para escrever:

Rimas são o meu solar
Com a bela estrela guia,
Minha onda a navegar
E parar eu não queria
O dia que as deixar
(Ninguém foge a esse dia)
Farão pois o meu lugar
Minha paz, minha alegria.

Rosa Silva ("Azoriana")

**********

Com os melhores agradecimentos pelas:

1. Entrevista a 2 de abril in "Kanal ilha 3"



2. Entrevista a 5 de dezembro in "Kanal das Doze"



**********


Consola ouvir cantar
Cantadores de eleição
"Outono Vivo" a fechar
Com a justa perfeição.

Adeus com mais ternura
Até outra ocasião
Parabéns à nossa cultura
E parabéns ao João.

Mendonça de apelido,
Mais velho um ano que eu,
Da Agualva conhecido,
Abraça o Porto Judeu.

Tenho seu livro nas mãos
Unidas como em prece
Quem dera sermos irmãos
Na rima que nos aquece.

Há amor pela Terceira
Há amor pela escrita
Quando a rima é inteira
Fica sendo a favorita.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dedicatória à menina Júlia (filha de amigos sancarlenses)

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 13.11.21

Júlia

Bela menina
Com oito anos
Tenha oceanos
De luz divina.

Júlia é fina,
Fina de planos,
De açorianos
De boa sina.

Dou parabéns
Pelos que tens
E mais virão...

És a rainha
Na ode minha
De coração.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comentário de Amaro de Matos e minha resposta

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 03.10.21

Recebi um comentário que merece ser posto à proa deste navio. Muito obrigado ao santamarense Amaro de Matos

"Uma velha “Azoreana”
Recebeu esta semana
Um presente de valor

Uma cegonha manhosa
Foi lesta levar à Rosa
Um fruto do seu Amor

A velha ficou nervosa
Com a netinha a chegar
E já fez a mais mimosa
Cantiga prá embalar

Nota: - com a moda das velhas da Ilha Terceira e muitos parabéns a toda a família"

Resposta a Amaro de Matos:

A Rosa ficou risonha
Com a chegada da cegonha
Mesmo no fim de setembro

Ainda não lhe pôs a mão
Mas já sabe a canção
De outrora que'inda lembro

Assim que eu a beijar
E acolher ao meu colo
Verei o que é cantar
Uma cantiga a solo.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sempre o SIM

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 11.09.21

Quando a Mãe nos chama
Ao Altar onde festeja
Santuário foi Igreja
《SIM》 é o valor da chama.

Quando não se quer o drama
Por mais leve que ele seja
Afastam-se mal e inveja
E mais nada se reclama.

Vejam alegria aos molhos
No candelabro dos olhos
Com reflexo ao coração.

É p'ra Serreta que vamos
Porque a grande Mãe que amamos
Jamais vai dizer que não!

Rosa Silva ("Azoriana")

P.S. Inédito para gravação ao querido amigo da Mãe dos Milagres e da Serreta - Manuel Ivo Cota.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sr. José Fonseca e D. Guiomar Sousa

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 28.07.21

Parabéns p'la linda data
Que merece bom alarde
O meu verso já desata
Nem é cedo nem é tarde.

Desejo felicidades
Ao casal que bem aguenta
A união das idades
Que por amor não rebenta.

Bodas de vidro felizes
Com um brilho especial
Com os filhos e petizes
E amigos em geral.

Um abraço e um beijinho
Meus e da ilha Terceira
Que sigam vosso caminho
Mesmo longe estão à beira.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")

DATA DE CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
16 ANOS
2020/04/09


Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.

Just a piece of me
to the amazing world.


RETALHOS DE MIM
Ser AMIGO afinal
É muito mais que amar
É dizer o que está mal
Sem nunca mal se ficar.
...
Isto não é artimanha
Nem coisa de fazer mossa
Há quem queira e não tenha
Há quem tenha e não possa.
...
Na encruzilhada do ser
Há desejos florescendo
Ansiosos por caber
Na lava que vai nascendo.
...
A poesia é a mais bela
Temperança do viver
Quando crescemos com ela
Mais cresce o nosso ser.

Angra do Heroísmo
ilha Terceira - Açores.


in DI Domingo.
Foto de António Araújo

SELO
Azoriana/Açoriana
Azoriana/Açoriana
@ 2004 etc.

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 - Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD

Naturalidade:

Neste espaço residem pequenos fragmentos da alma serretense.
Um residente classificou-a como sendo fresca no clima e quente na hospitalidade. É, sem dúvida, uma freguesia fresca, pequena mas com uma grande alma.

É um "Cantinho do Céu", como a autora lhe chamou num dos seus artigos publicados.
Sob o pseudónimo de Cidália Miravento e na capa de "Azoriana", Rosa Silva vai reunindo coisas suas e de outros no intuito de divulgar a freguesia que lhe deu berço - SERRETA.

Bem-vindo à Serreta, a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres desde 1/1/1862, do concelho de Angra do Heroísmo, ilha Terceira - Açores.




Links

Angrosfera

Blogues amigos

  • Em breve

Dicionário

Jornal

O Blog que nos ajuda

Sítios onde estou

Voz dos Açores - gravações