Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Criações de Rosa Silva e outrem; listagem de títulos

Em Criações de Rosa Silva e outrem

Histórico de listagem de títulos,
de sonetos/sonetilhos
(900 até agora)

Motivo para escrever:

Rimas são o meu solar
Com a bela estrela guia,
Minha onda a navegar
E parar eu não queria
O dia que as deixar
(Ninguém foge a esse dia)
Farão pois o meu lugar
Minha paz, minha alegria.

Rosa Silva ("Azoriana")

**********

Com os melhores agradecimentos pelas:

1. Entrevista a 2 de abril in "Kanal ilha 3"



2. Entrevista a 5 de dezembro in "Kanal das Doze"



**********


Bênção das Pastas - Geologia (3°ano) - Paulo Borges

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 28.05.17

28/05/2017 - Domingo

Dia de Nosso Senhor
É para sempre louvado
Que Ele esteja a teu lado
Sim! Sejas merecedor.

Que voe o digno louvor
Do sino e o seu brado
Na hora em que foi criado
O verbo com mais Amor!

Ao nosso querido filho,
Somente e agora aqui
Estamos agradecidos.

Venha do céu vasto brilho,
Dos que mais querem de ti,
Alegres sorrisos tidos!

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Paulo Borges

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 27.05.17

Obrigada filho
Por tudo:
Pela paciência
Pela prontidão
Por seres o guia
Da ocasião.

Obrigada filho
Pela Pampilhosa
Por Coimbra
Pelos passeios
E as loucuras
Tantas as festas
De encantar
A ensaiar
Com teus amigos
Novos e antigos.

Obrigada filho
Pelo "santuário"
Do senhor Manaia
P'lo aniversário
Pampilhosense
Pelo Daniel Vieira
(Tem de ir à Terceira)
Também pelo Quim
Amigo sem fim...

Obrigada filho
Por todos os dias
De mais alegrias
Mesmo que o cansaço
Acabe em abraço.
Tinha de escrever
Para o mundo ver
Que estar presente
Faz tudo diferente.

Que Deus te abençoe
E alguma falta me perdoe.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

22/5/2017. Coimbra

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 22.05.17

Vou levar-te comigo
Seja para onde for
Uma ponte sem perigo
Andorinha negra cor.

Tantas vezes eu a vi
Na chegada e na partida
Que dela eu consegui
Recordação para a vida.

Coimbra de Veteranos
De lares entre a verdura
De baladas, soberanos
Fadistas e sã cultura.

Santa Isabel a Rainha,
Pedro, Inês e Santa Clara,
A ponte da andorinha,
E no alto a "Cabra" rara.

Coimbra é sempre assim,
Já nos dizem outras gentes,
Só quando chega o fim
Vêm as lágrimas cadentes.

Por mim mantenho saudade
Da minha Terra querida
Digo com sinceridade
Vou amá-la além da vida.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pampilhosa do Botão

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 20.05.17

Para chegar à da Serra
Tem de ver a do Botão
É um pedaço da terra
Que orgulha a Nação!

Eu conheço a do Botão
Pampilhosa assim se chama
Fez bater meu coração
Passou por lá quem me ama.

Meu filho música toca
Na Banda de nobre gente
Por isso fico contente.

No "Santuário" se anota
Um golo de boa pinga
Com ele ninguém se vinga.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)

13/5/2017. Passeio por Guimarães

por Rosa Silva ("Azoriana"), em 13.05.17

Iluminai-me Senhor
Para que te escreva bem
O perfume de uma flor
Perfume e escrita também.

No berço de Portugal
Onde andou o nosso Rei
Muralhado sem igual
Nos seus passos eu andei.

Não levo nenhum queixume
Terra de patriotismo
Somente o teu perfume
Numa quadra de lirismo.

Guimarães, ó Guimarães,
Fonte de inspiração
Todo o terreno que tens
Rege a nobre Nação.

Rosa Silva ("Azoriana")

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Os escritos são laços que
nos unem na simplicidade
do sonho... São momentos!
Rosa Silva ("Azoriana")

DATA DE CRIAÇÃO
09/04/2004

A curiosidade aliada à
necessidade criou
o 1º artigo e continuou...
16 ANOS
2020/04/09


Não há rima para o tempo
Mas o tempo é uma rima
Que serve de passatempo
A quem o tempo estima.

Just a piece of me
to the amazing world.


RETALHOS DE MIM
Ser AMIGO afinal
É muito mais que amar
É dizer o que está mal
Sem nunca mal se ficar.
...
Isto não é artimanha
Nem coisa de fazer mossa
Há quem queira e não tenha
Há quem tenha e não possa.
...
Na encruzilhada do ser
Há desejos florescendo
Ansiosos por caber
Na lava que vai nascendo.
...
A poesia é a mais bela
Temperança do viver
Quando crescemos com ela
Mais cresce o nosso ser.

Angra do Heroísmo
ilha Terceira - Açores.


in DI Domingo.
Foto de António Araújo

SELO
Azoriana/Açoriana
Azoriana/Açoriana
@ 2004 etc.

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

VISITAS
Até 2015/03/30 tinha um total de 537.867 visitas.
Doravante estatísticas in SAPO
MEO KANAL
Canal nº 855035 - Azoriana no MEO Kanal



ISSUU

MEO CLOUD

Naturalidade:

Neste espaço residem pequenos fragmentos da alma serretense.
Um residente classificou-a como sendo fresca no clima e quente na hospitalidade. É, sem dúvida, uma freguesia fresca, pequena mas com uma grande alma.

É um "Cantinho do Céu", como a autora lhe chamou num dos seus artigos publicados.
Sob o pseudónimo de Cidália Miravento e na capa de "Azoriana", Rosa Silva vai reunindo coisas suas e de outros no intuito de divulgar a freguesia que lhe deu berço - SERRETA.

Bem-vindo à Serreta, a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres desde 1/1/1862, do concelho de Angra do Heroísmo, ilha Terceira - Açores.




Links

Angrosfera

Blogues que sigo

Câmara Municipal AH

Dicionário

Jornal

O Blog que nos ajuda

Sítios onde estou

Voz dos Açores - gravações